Games

[Games][threecolumns]

Tecnologia e Internet

[Tecnologia][bleft] [Internet][bleft]

The Walking Dead: Críticos e associações se queixam da extrema violência do último episódio.

O último capítulo de The Walking Dead comoveu diversas associações que consideram inadimissível a violência mostrada na tela.

O último capítulo de The Walking Dead comoveu diversas associações que consideram inadimissível a violência mostrada na tela.

Siga nossas redes sociais:

Twitter

Facebook

!@#$% Pequeno e discreto aviso de spoiler !@#$%
Se não gosta de spoiler, seja dono de uma fazenda no Mega Drive

Os seguidores de The Walking Dead puderam ver, nas últimas horas, o esperado capítulo que deu início a sétima temporada da popular série televisiva. Como se esperava, finalmente foi revelada a identidade da primeira vítima de Negan, Abraham, e que logo após foi seguida por outra, Glenn, antes de finalizar o episódio.

O novo vilão estreou de forma extremamente violenta e com altas doses de gore na tela, um aspecto aguardado por muitos dos fans da série, mas que motivou inúmeras queixas entre os críticos de televisão, que consideram exagerada a forma em que foram mostradas algumas imagens:

Nessa noite assistimos uma exibição de brutalidade sociopata

Toda a filmagem foi focada nos perversos efeitos de maquiagem

Tudo isso é o suficiente para reconsiderarmos seguir vendo a série

Essas são algumas palavras que foram lidas em vários portais ou sites.

The Walking Dead: Críticos e associações se queixam da extrema violência do último episódio.


Incluindo o portal The Verge, que resenha a série desde o início, anunciou o fim de sua relação com The Walking Dead a partir de agora:

Sempre existiu a possibilidade de que um episódio finalmente fosse pesado e maltratasse seu público até tal ponto que não conseguíssemos ver The Walking Dead. O episódio que foi ao ar na noite passada retratou isso.

Não satisfeitos, os críticos não foram os únicos que falaram sobre isso. O comitê de padrões que controla o conteúdo da televisão nos Estados Unidos, o Parents Television Council, acredita que o que foi mostrado no capítulo é inadmissível:

Foi alcançado um novo limite para a violência na televisão a cabo. Um dos momentos com maior violência explícita como nunca foi visto na televisão, comparável ao dos programas mais violentos da TV a cabo Premium, como HBO.

O mais surpreendente neste sentido é que a série está classificada como TV-MA, que nos Estados Unidos se refere aos espectadores adultos e que tem +18, como neste caso, Além disso, o capítulo emitia um texto que advertia que poderia mexer com a sensibilidade do espectador, evidentemente adulto.


Clique na imagem e baixe o aplicativo do MeuXP GRATUITAMENTE
Bruno Tibério Santinoni

Sou Jornalista, Radialista e Professor nas horas vagas. Nasci em 1990 (para não ter que ficar trocando aqui todos os anos). Sou pai de um casal, sendo o primogênito tão apaixonado por games quanto eu. Tenho poucos amigos por opção. Sou apaixonado pelos games e pela tecnologia.

Comente
  • Conta Google Comente usando Google
  • Facebook Comente usando Facebook
  • Disqus Comente usando Disqus

Nenhum comentário :


Animes/Filmes/Séries

[Animes%2FFilmes%2FSéries][twocolumns]

Mangá/HQ

[Mangá][grids] [Mangá%2FHQ][grids]

Parceiros

GameLover - Notícias com opinião GameLover - Notícias com opinião